Ministério Público Federal faz buscas na Prefeitura de Extremoz

OUÇA A MATÉRIA

Órgão realizou a busca e apreensão de documentos relacionados a convênios e programas financiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

O Ministério Público Federal (MPF) realizou na última segunda-feira, 7, a busca e apreensão de documentos relacionados a convênios e programas financiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) no Município de Extremoz e cujas prestações de contas não foram apresentadas pela Prefeitura.

Os recursos federais relativos a esses programas foram repassados ainda na gestão do ex-prefeito Klauss Rego, porém, os prazos finais para prestação de contas se encerraram já na gestão do atual prefeito, Joaz Oliveira.

O primeiro alega  ter entregue ao atual gestor toda a documentação necessária. O segundo, por sua vez, afirma que seu antecessor ocultou esses documentos. O MPF investiga o caso para apontar a responsabilidade pela inadimplência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: