Advogado que denunciou Moro é assassinado; vídeo contém cenas fortes

0
730

Igor Martinho Kaluff ficou nacionalmente reconhecido depois que pediu a quebra dos sigilos fiscal, bancários e financeiro do ex-ministro da justiça. O assassinato, segundo a Polícia, foi um acerto de contas

O advogado Igor Martinho Kaluff, de 40 anos, foi assassinato a tiros nesta quinta-feira (12) em uma loja de conveniências em Curitiba, no Paraná. Kaluff ficou nacionalmente reconhecido depois que pediu a quebra dos sigilos fiscal, bancários e financeiro do ex-ministro da justiça de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro.

O assassinato, segundo a Polícia, foi um acerto de contas. O delegado da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Tiago Nóbrega, esteve no local do crime e verificou as imagens com o proprietário do posto de combustível. Segundo Nóbrega pelo menos três pessoas tiveram participação na morte das vítimas.

De acordo com investigações,Kaluff devia cerca de R$ 70 mil para agiotas, e no posto de combustíveis haveria uma reunião para falarem sobre a dívida.

A princípio, a polícia acredita que o advogado tenha sido vítima de uma emboscada.

Além de advogado, Kaluff  também era proprietário de um restaurante de comida árabe, que fica a cerca de 3 quilômetros do local do assassinato.

O vídeo abaixo contém cenas fortes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui