Projeção no Congresso lembra os 100 mil mortos por covid-19 no Brasil

0
140

Frase ‘Luto pelos 100 mil’, ato se repetirá nesta 3ª feira, foi autorizado por Alcolumbre

As torres do Congresso Nacional, em Brasília, receberam nesta 2ª feira (10.ago.2020) projeções formando a frase “Luto pelos 100 mil”. O ato se repetirá nesta 3ª feira (11.ago), das 18h às 20h30. O Brasil atingiu a marca de 100 mil mortos por covid-19 no último sábado (8.ago).

A ação foi coordenada pela UNE (União Nacional dos Estudantes), ANPG (Associação Nacional de Pós-graduandos) e UBES (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas). O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) acatou o pedido do senador Flávio Arns (Rede-PR) e autorizou as projeções.

LUTO

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, decretou luto oficial de 3 dias. Davi Alcolumbre e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), determinaram luto por 4 dias no Congresso.

O ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, lamentou a marca de mais de 100 mil mortes. “Não se trata de números, planilhas ou estatísticas, mas de vidas perdidas que afetam famílias, amigos e atingem o entorno do convívio social”, disse em nota divulgada pela assessoria do Ministério da Saúde.

Outras autoridades e políticos também lamentaram a marca atingida pelo Brasil.

No domingo (9.ago), o presidente Jair Bolsonaro fez uma série de postagens sobre os 100 mil mortos por covid-19 no Brasil, em seu perfil no Facebook. Afirmou que lamenta todas as vidas perdidas pela doença. Criticou a TV Globo pela cobertura do caso. Declarou que a emissora “só espalhou pânico na população e a discórdia entre Poderes”.

O número total de infectados pelo coronavírus no Brasil chegou a 3.057.470. O total de mortes subiu para 101.752. Os dados foram atualizados às 18h30 desta 2ª feira (10.ago) pelo Ministério da Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui